19 de Setembro de 2019

É o mês do Círio! Com o tema “Maria mãe da Igreja”, dia 13 de outubro acontecerá o 226º Círio da cidade morena.


O mês de outubro tem um significado singular para os paraenses: é o mês do Círio! Com o tema “Maria mãe da Igreja”, dia 13 de outubro acontecerá o 226º Círio da cidade morena. A inspiração do tema desse ano remete à data que a igreja em Belém comemora o Jubileu dos 300 anos da criação da Diocese de Santa Maria de Belém.

Dia 13 de setembro foi a vez da Unimed Belém receber a imagem peregrina de Nossa Senhora de Nazaré. O Evento ocorreu na Estação Saúde Unimed, onde homenagens, cânticos e adorações foram direcionados à Rainha da Amazônia em um evento organizado com esmero pela Secretaria Executiva da Cooperativa.

A cerimônia de celebração da passagem da Santa iniciou com o recebimento da imagem peregrina para as celebrações no auditório da Estação Saúde. O Vice Diretor da Unimed Belém, Dr. Antônio Travessa falou da emoção que foi receber a mãe de todos os paraenses, “Só temos a agradecer toda essa consideração que arquidiocese tem há anos conosco, proporcionando essa manhã de luz”.

A Programação oficial da festa religiosa iniciou dia 24 de agosto e se estende até 14 de novembro. Considerado o evento religioso que mais reúne fiéis no mundo, o Círio tem como ponto alto a procissão da qual participam mais de dois milhões de pessoas do Estado e de diversas partes do Brasil.

O Círio

Segundo a descrição de bem imaterial do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN), o Círio é o grande momento anual de demonstração de devoção, solidariedade e fé. Reconta, por meio de seu cerimonial religioso, a lenda que envolve o achado, em 1700, da imagem de Nossa Senhora de Nazaré por um caboclo denominado Plácido. Os elementos sagrados e profanos que marcam a festa configuram uma face múltipla, a que estão associadas diferentes significações decorrentes da diversidade das formas de inserção no evento, da apropriação simbólica e da diferenciação social dos participantes. A relevância do Círio de Nazaré como manifestação cultural pode ser reconhecida no longo e dinâmico processo que reitera e constrói essa celebração há mais de 200 anos. As festividades – a chamada quadra nazarena – começam bem antes da procissão principal, realizada no segundo domingo de outubro, e se prolongam durante 15 dias.

Assessoria de Comunicação e Marketing Unimed Belém

Leia também